E-book “Eu Sei que o Meu Redentor Vive”, por C. H. Spurgeon


Citações do Sermão Nº 504, “Eu Sei que o Meu Redentor Vive”, por Charles Haddon Spurgeon

“Eu não compreendo a Ti, grande Deus; maravilho-me no Teu propósito de ressuscitar meus ossos em decomposição: mas eu sei que Tu fazes grandes maravilhas, e eu não me surpreendo que Tu deves concluir o grande drama dos teus trabalhos da criação aqui na terra através da recriação do corpo humano pelo mesmo poder pelo qual Tu trouxeste da morte o corpo do teu Filho Jesus Cristo, e pela mesma força divina que regenerou a alma humana em tua própria imagem.”

“A Morte envia suas tropas para tomar nossa vinha e para espoliá-la e arruiná-la. Mas nós viramo-nos para a Morte e dizemos, "Eu sei que o meu Goel vive, e ele irá redimir esta herança; eu o perdi; tu o tomaste de mim legalmente, Ó Morte, por causa do meu pecado eu perdi o meu direito; eu perdi minha herança por causa da minha própria ofensa, e através da [ofensa] do meu primeiro pai Adão; mas vive aquele que a comprará de volta”. Irmãos, Jó poderia ter dito isto de Cristo muito antes que ele tivesse descido à terra, "eu sei que ele vive;" e agora ele ascendeu ao alto, e levou cativo o cativeiro, certamente nós podemos com dupla ênfase dizer, "’Eu sei que meu Goel, meu Parente vive, e ele pagou o preço, eu terei de volta meu patrimônio, então em minha carne eu verei a Deus.’"

"Eu sei que meu Goel, meu Parente vive, e ele pagou o preço, eu terei de volta meu patrimônio, então em minha carne eu verei a Deus." Sim, minhas mãos, vós são remidas com sangue; compradas não com coisas corruptíveis, como ouro ou prata, mas com o precioso sangue de Cristo. Sim, pulmões ofegantes e coração palpitante, vós fostes resgatados! Ele que redimiu a alma para ser este altar também redimiu o corpo, para poder ser o templo do Espírito Santo. Nem mesmo os ossos de José podem permanecer na casa da servidão. Nenhum cheiro do fogo da morte deve passar sobre as roupas que os santos filhos têm usado na fornalha”

“Ele é o Senhor e doador da vida originalmente, e ele será especialmente declarado para ser a ressurreição e a vida, quando a legião dos seus redimidos será glorificada com Ele. Se eu não vi nenhuma fonte de onde a vida possa ser transmitida aos mortos, eu ainda acredito na promessa quando Deus disse que os mortos viverão; mas quando vejo a fonte fornecida, e sei que ela está cheia até à borda e que transborda, posso regozijar-me sem estremecer. Desde que há aquele que pode dizer: "Eu sou a Ressurreição e a Vida", é algo bendito ver os meios bem diante de nós na pessoa de nosso Senhor Jesus Cristo. Vamos olhar para o nosso Goel, pois ele vive neste exato momento.”

“Mas, ó, vamos construir para a eternidade, e construir solidamente. Não vamos ficar satisfeitos com a fundação simplória, pois é a partir dos lugares mais elevados que nós temos a mais ampla perspectiva. Supliquemos ao Senhor que nos ajude a empilhar pedra sobre pedra, até que sejamos capazes de dizer, enquanto olhamos para ele: "Sim, eu sei, eu SEI que o meu o Redentor vive." Isto, assim, para o consolo presente na expectativa da partida.”

“Eu não gostaria de morrer com uma mera esperança misturada com desconfiança. Eu poderia ser salvo com esta, mas dificilmente [seria] feliz; mas ó, descer ao rio sabendo que tudo está bem, confiante nisto que como um culpado, fraco, e desamparado verme eu tenha caído nos braços de Jesus, e acreditando que ele é capaz de manter aquilo que eu tenho confiado a Ele. Eu gostaria que vocês, queridos amigos cristãos, nunca olhassem a plena segurança da fé como algo impossível a vocês. Não diga, ‘É alto demais; eu não posso atingir isto’”.

“(...)a postura de Cristo, em levantar-se sobre a terra, é significativa. Isto demonstra o Seu triunfo. Ele triunfou sobre o pecado, que uma vez como uma serpente em sua astúcia sujeitou a terra. Ele derrotou Satanás. Sobre todo o lugar onde Satanás obteve seu poder Cristo foi vitorioso. A Terra, que foi a cena da bondade derrotada, de onde a misericórdia uma vez desviada, onde a virtude morreu, onde tudo o que era celestial e puro, como flores golpeadas com ventos pestilentos, pendia sobre suas cabeças, murchas e arruinadas - nesta mesma terra tudo o que é glorioso surgirá e florescerá em perfeição, e o próprio Cristo, uma vez desprezado e rejeitado pelos homens, o mais belo do que todos os filhos dos homens, entrará no meio da multidão dos servos, enquanto príncipes e princesas prestarão homenagens, reverências a Ele, e todas as nações o chamarão bem-aventurado. “Ele por fim se levantará sobre a terra”.

♦ Fonte: www.Spurgeon.org
♦ Tradução: www.OEstandarteDeCristo.com
♦ Faça o Download do e-book deste sermão Nº 504, Eu Sei Que o Meu Redentor Vive:

>> DOWNLOAD <<